27/06/2015

Meus rabiscos: Lonely Girl



Eu estava ali, sentada em um banco da praça central, sem ter o que fazer.
Como sempre, mais um dia cinza.
Tentei procurar minha felicidade em tantas pessoas mas no fim, não encontrei em nenhuma delas. Minha vida toda foi uma farsa. Rodeada de pessoas que diziam querer meu bem, mas no meu interior, eu sabia que estava sozinha.
Eu sempre soube que era uma garota solitária por dentro, mas a minha necessidade de estar com as pessoas era grande. Eu queria ter alguém que realmente se importasse comigo. Eu queria voltar para casa sabendo que tudo o que vivi  foi um sonho. Eu queria voltar para casa com o sentimento de ser amada.
Pensava em alguém perfeito pra mim, alguém que quisesse passar a eternidade ao meu lado. Eu tentava achar um futuro nos olhos das pessoas que passavam por ali, um futuro em que eu estivesse junto. Mas eu não conseguia. Eu só conseguia pensar em o quão vazia eu era, eu era vazia de sentimentos. Como alguém podia ver algo em mim?
Em meio a tantas pessoas, eu avistei um garoto sentado em um banco bem longe de frente para mim. Pude perceber que ele me olhava, e que quando eu o fitei ele desviou o olhar. Eu conhecia bem esse tipo de pessoa. Eu era uma dessas. Eu não queria que as pessoas olhassem para os meus olhos e os vessem sozinhos, sem fundamentos, sem sentimentos. Procurei meu futuro ao lado dele. Achei tantos risos, tantas brincadeiras, tantas carícias que não pude impedir de sorrir.
Ele percebeu que eu sorria, e me olhou novamente. Mas agora sorrindo e, mesmo de longe, olhando em meus olhos.
Senti uma vontade de correr em sua direção gritando ao mundo que havia achado alguém que me entendesse, alguém que tinha solidão nos olhos, gritar que, agora, nós podíamos ficar juntos e passar o resto de nossas vidas sendo felizes. Mas ao invés disso, eu apenas caminhei até ele, me sentei ao seu lado e disse "Prazer, me chamo Jessie".
~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~
Oi oi amorecos
Sei que não trago posts assim para o blog, mas eu realmente adorei esse e decidi compartilhar com vocês.
Esse texto que trouxe hoje eu escrevi inspirada na música One Less Lonely Girl do Justin Bieber. O texto não tem quase nada a ver com a música, mas Jessie se sente sozinha, sem amor e é por isso que coloquei o nome do texto de Lonely Girl.

Beijos.
Nathália Freitas de Abreu

2 comentários: